Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

Opinião 5 min para ler 215 Comentários

Os 5 melhores smartphones da Motorola de todos os tempos

Tarefa árdua. Decidimos na redação que íamos fazer essa lista polêmica para cada umas das marcas mais famosas, e começamos pela Motorola. Apesar de ter um portfólio enxuto anos atrás, hoje em dia a empresa da Lenovo curte umas variações, e isso deixou essa lista bem complicada. Ainda sim, vamos a ela.

Motorola Milestone (2011)

A Motorola, assim como a HTC, foi uma das primeiras a dar tanta importância ao Android, e isso ajudou sobremaneira o sistema do robozinho. Porém, mais ainda, ajudou a Motorola, que estava mal das pernas. O Milestone não foi o que tirou a empresa do buraco, mas o que mostrou que a Motorola poderia ser uma empresa inovadora mais uma vez (afinal, foi ela quem lançou o primeiro celular).

motorola droid milestone
O Milestone tinha até pad / © Divulgação

O Milestone era um smartphone flip, e já existiam muitos assim na época. Porém, nenhum com Android, tela tão grande de toque e design tão peculiar. O Milestone vendeu muito bem, e gerou uma segunda e até uma terceira geração, e nunca nos esqueceremos dele.

  • Processador: TI OMAP 4430     Dual-core 1.0 GHz Cortex-A9
  • RAM: 512 MB
  • Câmera: 8 MP
  • Bateria: 1.500 mAh
  • Android: Android 2.3 (Gingerbread)

Moto X (2013)

Dois anos depois, quando parecia que a Motorola iria sumir do mapa, uma reviravolta mais do que ótima. A Google comprou a Motorola. A empresa foi reformulada, o portfólio com produtos desconexos e diferentões foi abandonado e uma nova e enxuta linha surgiu, a Moto, cujo representante clássico é o Moto X.

IMG 1243
Moto X e sua traseira inconfundível / © AndroidPIT por Stella Dauer

Além de chegar ao Brasil por um preço mais justo, essa peça da história móvel tinha tela HD AMOLED de 4.7 polegadas, suas atualizações chegavam rápido e ele era bem bonitinho, ficando bem encaixado na mão graças a sua traseira arredondada. Tinha a tela que mostrava notificações o Moto Voz mais legal que já apareceu e era um guerreiro, durando anos nas mãos dos usuários.

  • Processador: Qualcomm MSM8960DT Snapdragon S4 Pro Dual-core 1.7 GHz Krait 300
  • RAM: 2 GB
  • Câmera: 10 MP e 2 MP
  • Bateria: 2.200 mAh
  • Android: Android 4.2.2 (Jelly Bean), terminando no 5.1 (Lollipop)

Moto G2 (2014)

Junto com o Moto X, o brasileiro viu chegar ao país um dos smartphone com melhor custo benefício de todos os tempos, o Moto G. A Motorola nadou no dinheiro de tantas vendas que fez por aqui, sucesso absoluto, e assim pôde aprimorar o aparelho para sua segunda versão (meus pais usam Moto G1 até hoje).

IMG 3541
Por muito tempo, a Motorola gostou de traseiras mais arredondadas  / © AndroidPIT por Stella Dauer

Essa repaginada trouxe um aparelho mais maduro e com um visual bonitinho que lembrava o primeiro Moto X. Foram feitos upgrades em todos os sentidos, e mais uma vez a empresa vendeu muito. Por uns 3 anos, um Moto G era o melhor aparelho que alguém poderia comprar quando não se tinha muito dinheiro, já que as atualizações também eram rápidas para ele e foram muitas.

  • Processador: Qualcomm MSM8226 Snapdragon 400 Quad-core 1.2 GHz Cortex-A7
  • RAM: 1 GB
  • Câmera: 8 MP e 2 MP
  • Bateria: 2.070 mAh
  • Android: Android 4.4.4 (KitKat), terminando no 6.0 (Marshmallow)

Moto Maxx (2014)

Provavelmente o aparelho mais controverso da lista, botei o Moto Maxx aqui por suas quebras de paradigmas. Apesar de não ter sido o aparelho de maior sucesso da empresa, trouxe novidades que foram sendo vistas não apenas na Motorola, mas também em outras marcas, com o passar dos anos.

moto maxx
Traseira de nylon balístico do Moto Maxx / © AndroidPIT

Nem de longe o Maxx era muito bonito, mas sua traseira em nylon balístico era resistente assim como seu interior. A tecnologia contra respingos d’água fazia o líquido escorrer pelos componentes caso fossem molhados. Sua bateria era uma das maiores até então, assim como seu armazenamento de 64 GB, e ele vinha com todos os destaques internos do Moto X.

  • Processador: Qualcomm APQ8084 Snapdragon 805 Quad-core 2.7 GHz Krait 450
  • RAM: 3 GB
  • Câmera: 21 MP e 2 MP
  • Bateria: 3.900 mAh
  • Android: Android 4.4.4 (KitKat), terminando no 6.0.1 (Marshmallow)

Moto Z Play (2015)

A Motorola não vinha de semestres bons, com novas versões do Moto X e G não fazendo muito sucesso. Nem o novo Moto X Force com tela inquebrável tinha sido destaque e a Lenovo, nova dona da marca, estava desanimada com os números vermelhos. Trouxe o Moto Z, mas seu corpo fino demais, a pouca bateria e o seu preço não empolgaram.

AndroidPIT lenovo moto z play 9608
Moto Z Play: Moto Snaps caros em um aparelho mais acessível / © AndroidPIT

Aí chegou a versão mais popular, o Moto Z Play, que era mais grosso, tinha mais bateria e ainda trazia o suporte aos inovadores Snaps, módulos que encaixavam atrás do aparelho e lhe davam novas funções. De começo o Z Play não vendeu muito, mas quando seu preço caiu um pouco, as vendas dispararam e ele foi mais um ótimo custo benefício da Motorola, com ótima bateria e processador.

  • Processador: Qualcomm MSM8953 Snapdragon 625 Octa-core 2.0 GHz Cortex-A53
  • RAM: 3 GB
  • Câmera: 16 MP e 5 MP
  • Bateria: 3.510 mAh
  • Android: Android 6.0.1 (Marshmallow), chegando ao Android 8.0 (Oreo)

No final, sei que essa seleção não vai agradar a todos. Também não me agrada completamente, uma vez que se fossem os sete ou dez melhores eu me sentiria mais confortável, mas eram três e por isso tivemos uma seleção entre os mais icônicos da atualidade.

Não adianta pedir Razr V3, StarTac e Rokr nos comentários porque não são smartphones. Mas você pode reclamar com razão da falta de um Moto X 2014, Moto Z2 Force ou Z2 Play, Moto G3 e até ser saudoso e relembrar de um Flipout ou de um Defy. Eles estão todos na lembrança de muita gente.

Qual seria a sua seleção?

248 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

  • David CD há 3 meses

    Que mancada, faltou o moto g1, foi o smartphone mais importante da Motorola nessa década. E não esse moto g2 que pegou carona no sucesso do seu antecessor, moto g1.

  • Phelipe B. há 3 meses

    Tive o X1, tive o X2 e ainda tenho o X Force. A linha era excelente, mas a Lenovo fez o favor de acabar com ela.

  • Deivis Schuman
    • Mod
    há 3 meses

    A Motorola que era reconhecida mundialmente e era sucesso no mundo todo, hj sobrevive graças ao Brasil e a Índia!
    Ela que já teve ótimos Smartphones como Moto G1, Moto X2 e Moto Maxx, hoje sofre na mão da Lenovo que comprou a marca e logo de cara lançou o problemático Moto G4!
    Como eu queria a Motorola de antigamente novamente! Torço pra que a Lenovo faça a Motorola brilhar novamente!

  • Léo Walk há 3 meses

    O Moto G1 assim como o G2 foram os meus brinquedinhos na hora de experimentar novos sistemas e recursos que só o Root proporcionava naqueles anos dourados. Saudades eternas!!! 🙂

  • Victor Lima há 3 meses

    #vazalenovo

215 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Mostrar todos os comentários

Recommended articles