Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

5 min para ler 50 Comentários

Melhores e piores distribuições do Linux

Na semana passada trouxemos uma lista com as melhores e piores versões do Windows já lançadas até hoje. Nela, a grande maioria dos leitores concordaram que o Windows Milenium foi a pior versão do sistema operacional da Microsoft já lançado. Já sobre a melhor versão do SO, os leitores ficaram divididos entre Windows 7 e XP.

Para esse final de semana elaboramos uma lista com as melhores e piores distros do Linux. É claro que não poderíamos deixar de fazer uma lista do Linux, afinal o nosso querido Android é programado em Kernel Linux, onde O seu código fonte está disponível gratuitamente para que qualquer pessoa possa utilizar e criar o sistema que quiser. Sendo assim seria injusto não ter uma lista com as melhores e piores distros já lançadas, confira a seguir.

Melhores

Linux Mint

Abrindo nossa lista temos o famoso Linux Mint que possui duas versões, uma baseada em Ubuntu e a outra em Debian, onde o utiliza o Cinnamon como interface do usuário. Essa distro completou na semana passada 12 anos de existência, foi criada em 27 de setembro de 2006 por desenvolvedores irlandeses e continua firme e forte até a data presente, onde recebe atualizações frequentemente.

O Linux Mint é considerado por muitos a melhor distribuição de todos os tempos, tanto em funcionalidades como em visual, eu particularmente acho a distro muito bonita. Outro grande destaque do Mint é que o sistema já conta com drivers e codecs embutidos, facilitando assim a vida do usuário que não precisará ter dor de cabeça em ficar instalando um monte de drivers.

linux minte
Linux Mint / © linuxmint.com

Ubuntu

O Ubuntu foi lançado em 20 de outubro de 2004 sendo considerado a distro mais fácil de usar entre todas. A distribuição é baseada no Debian e ganhou reconhecimento em parte do controverso (e agora descontinuado) gerenciador de desktop Unity da Canonical e das tentativas da empresa de impor um pouco mais de disciplina a um universo de desenvolvimento Linux muitas vezes instável.

A distro é a mais conhecida dentre todas, onde muita gente teve o primeiro contato com o universo Linux através do Ubuntu. Quando fui testar o Linux pela primeira vez, foi exatamente o Ubuntu que me proporcionou a primeira experiencia com esse sistema, recomendo a todos que tem curiosidade de conhecer o Linux e não sabe por onde começar.

ubuntu
Ubuntu / © ubuntu.com

Debian

O Debian é uma das distribuições do Linux mais antigas, onde existe desde 16 de agosto de 1993. São 25 anos de desenvolvimento, sendo que a versão atual é a Debian 9.5 que pode ser baixada gratuitamente. Embora o Debian seja uma distribuição independente, também é a base para muitas outras distribuições. Nese ano de 2018, 135 das 306 distribuições registradas no DistroWatch.org baseiam-se no Debian.

O Debian tem como ponto forte seu cronograma de lançamento lento e constante. Sua filosofia é esperar até que o software esteja estável e livre de bugs antes de ser disponibilizado para o público. Essa medida conservadora é apreciada por pessoas que preferem executar um desktop estável que não requer patches ou reinicializações frequentes.

debian
Debian / © debian.org

Piores

Damn Vulnerable Linux

Esse nome acho que faz jus ao que essa distro é, pois sem sombras de duvidas é uma das piores distribuições já feitas. O Linux tem como ponto forte estabilidade, quase nada de bugs, fluidez e organização. Entretanto, o Damn Vulnerable Linux nada disso oferece, fato esse que o coloca como um dos piores.

Segundo os seus desenvolvedores, a ideia da distribuição é mesmo ser um sistema inacabado e cheio problemas, para que assim desenvolvedores e estudantes possam ir melhorando e achando soluções para esse terrível sistema. O Damn Vulnerable Linux é tão ruim, que até mesmo computadores mais potentes sofrem para rodá-lo de uma forma satisfatória. Se não quiser se estressar, fique longe dessa distro.

Damn Vulnerable Linux
Damn Vulnerable Linux / © distrowatch.com

Zorin

Essa sem dúvidas foi a pior distro Linux que já utilizei, tive muita dor de cabeça até mesmo para instala. Depois de instalada em meu PC, tive problemas com drivers, onde não consegui fazer meu computador conectar-se na internet de forma alguma. O meu mouse atual também não funcionou, tive que utilizar um reserva que tenho aqui.

Seu suporte técnico para resolução de problemas é quase inexistente, onde praticamente não me ajudou a solucionar nada. Ao pesquisar mais a fundo sobre essa distro, pude perceber que de fato se trata de uma das piores distribuições, onde se encontra muita reclamação nos fóruns sobre Linux.

zorion
Zorion OS / © zorinos.com

Metamorphose

Metamorphose Linux é uma distribuição criada por desenvolvedores brasileiros que prometiam ser uma ótima alternativa para os órfãos do Kurumin Linux (melhor distro Linux brasileira) que foi descontinuado. Mas na prática não era bem assim não, pois o sistema era cheio de problemas. 

Os truques mais legais do Android que você pode fazer sem root

A Metamorphose foi considerada por muitos uma distro bem mau-caráter, pois os seus desenvolvedores eram acusados em alguns fóruns sobre Linux, de esconderem o código fonte para que ninguém pudesse ajudar no desenvolvimento, além de roubarem aplicativos de terceiros. Nos dias atuais, uma nova versão se encontra disponível, entretanto ainda existem relatos de a distro continuar com problemas.

full01
Metamorphose / © metamorphoselinux.net

O Linux é considerado por muitos um sistema muito melhor que o Windows da Microsoft, eu particularmente não me adaptei muito com nenhuma distribuição que pude utilizar. Entretanto, só pelo fato dele ser um sistema livre e estar em constante desenvolvimento, já é um ponto positivo. Isso sem contar sua estabilidade e segurança que o torna muito atrativo.

E você, qual das distros Linux acha a melhor e a pior?

50 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Gostei muito de vocês iniciando a falar sobre Distros com Kernel Linux. Entre as melhores estão: Manjaro, Deepin, Mint, Ubuntu, Fedora, OpenSuse... Entre as piores eu concordo com Elementary, Metamorphose


  • Eu incluiria o Fedora nas melhores, mas pode ser que exija um pouco (bem pouco) mais de esforço para usar. Em onze anos, usei de tudo um pouco, mas as que mais gosto são Debian, Fedora, Arch e Lubuntu (sim, com o L).

    Acho que o ElementaryOS falha miseravelmente no quesito "novos usuários", pois vem faltando muita coisa para que alguém que nunca mexeu numa distro consiga usar de forma confortável (só é lindo, mais nada). Para mim é muito bom, mas para novatos, tenho minhas dúvidas.

    Para novos usuários eu sempre recomendo Mint e Manjaro.


  • As melhores:

    Linux Mint é de fato uma das distros mais populares, talvez a segunda maior depois do Ubuntu. Há diversas interfaces gráficas disponíveis, sendo a principal o Cinnamon (mais pesada), MATE (baseada no GNOME2 clássico) e Xfce (modular, altamente customizável e leve). Existia a versão com KDE, mas foi descontinuada, porém nada impede de você instalar a interface gráfica que queira, mas eu aconselho usar as oficiais.

    Debian e Ubuntu são distros bem fortes, sendo a primeira uma das mais estáveis. A segunda possui versões LTS que também faz dela uma distro estável. Mas bem que vocês poderiam ter colocado uma imagem mais atual do Mint, Ubuntu e Debian, não é?

    Há também o Manjaro, que é uma excelente alternativa rolling ao Linux Min e Ubuntu. E não deixa de ser user-friendly.

    As piores:

    Damn Vulnerable Linux, é óbvio que essa distro não serve pra ser usada como distro doméstica, tal qual é o Kali e tantas outras que as pessoas insistem em querer usar como se fosse um Windows ou Linux Mint! A proposta é interessante, procurar e corrigir erros. Mas só pelo nome "Vulnerable" eu já cairia fora de tentar usá-la.

    Zorin é uma das distros mais fáceis para quem tá iniciando. Não acho que seja uma das piores, muito pelo contrário, é baseada no Ubuntu 16.04 e existem diversas versções, vou citar apenas as versões grátis. Sendo a mais popular a Core que usa um Gnome modificado para ser user-friendly e a versão Lite baseada no Xfce para máquina menos poderosas, ou seja, é uma versão leve. Basicamente 90% dos tutoriais pra Ubuntu se aplicarão ao Zorin. Zorin lembra o Windows 10 e não é atoa... É um modo de chamar o usuário para o Linux.

    Do Metamorphose eu não posso falar nada pois nunca utilizei, mas geralmente evito de utilizar distros brasileiras pois geralmente "morrem cedo". Não querendo ser pessimista, mas foi o que ocorreu com a distro Kaiana. Sumiu do mapa, como tantas outras "refisefuquis" (desculpem o termo).


  • Na lista dos piores, podia incluir o Elementary OS. Apesar de ter o visual igual ao do Mac OS, o sistema é muito limitado. Não dá para colocar ícones na área de trabalho, vem com zero de recursos em comparação com as outras distros, tendo que usar o terminal para fazer a instalação desses recursos, e além disso, quando instalei direto na máquina para fazer dual boot, na hora de usar não conectava a internet.

    É bonitinho, mas é ordinário


    • Verdade, essa distro diz-se como user-friendly mas de friendly não tem nada.
      Configurações limitadas, a loja é bugada e não mostra todos os pacotes, não há suporte nativo a ppas, quase tudo tem que ser feito pelo terminal pois a distro em si é bem crua em apps. Não vem nem uma suíte office instalada. Bem, os minimalistas irão adorar.


  • As mais bonitas são as piores kkkkkkk


  • O Linux salvou o meu PCzinho de 2gb de RAM após o Windows, devido às especificações, não disponibilizar mais atualizações, tanto de segurança como upgrade de sistema.


  • Matéria feita por quem não conhece distros linux, só elogiou Debian e criticou distros "desconhecidas"
    Linux mint com interface bonita? A interface do mint é muito antiquada! E o pior é que ainda é difícil de personalizar(mais complicada do que se fosse um cinnamon ou xfce puro).Faltou citar distros não Debian como o Manjaro ou Solus, ou distros debian mesmo porém melhores, como o Elementary ou Deepin
    E colocar o Damn Vulnerable Linux como pior? Para o que ela se propôs era a melhor! Não era uma distro para leigos, era para quem queria melhorar seu conhecimento (no geral desenvolvedores e estudantes),uma das piores era o Antergos, bugada, instável e complicada(o objetivo dela era ser o "Mint" do arch linux, estável e simples, essa sim falhava miseravelmente)
    Enfim, matéria escrita por quem não entende do assunto, com conteudo 100% google
    Mais uma matéria com o selo Deivis "enche linguiça" Schuman de qualidade


    • Realmente, a matéria se limita ao Debian. Eu uso o Mageia 6, minha predileta, fácil e poderosa. Deriva do Red Hat e não do Debian. As distros mais conhecidas derivadas do Red Hat são, além do Mageia, o OpenMandriva, Fedora, OpenSuse e Rosa. Mas existem distros derivadas de outros pacotes muito bons, como: Arch - Manjaro, por exemplo -; Slackware - como Slackel e Salix -; Gentoo - como o Sabayon -; e outras independentes, além daquelas criadas do zero, chamadas de "From Scratch", para usuários experientes.
      Enfim, o Linux possui muitas distribuições, algumas ótimas, outras nem tanto. Mas a ideal será a que melhor se adaptar à sua máquina. Não adianta você ter uma indicação de distribuição que não reconheça, por exemplo, sua placa de rede sem fio, ou que exija um processador Core i5 para cima se o seu processador é um Celeron. O Mageia é a distribuição que testei que nunca apresentou problema com drives e o pacote ".RPM" permite que o programa seja instalado com um clique, como no Windows. Eu prefiro o ambiente KDE, mas isso é questão de gosto.


    • Faltou citar o Manjaro, Solus, Deepin, Neon com uma das melhores. Mas não considero o Zorin como a pior distro, na verdade é bem de boa, utilizei ela por vários meses só mudei mesmo porque queria algo novo. Mas pra um leigo é uma boa alternativa ao Mint/Ubuntu.
      Acredito que o Cinnamon seja uma das interfaces mais bem customizáveis do Linux Mint, talvez batendo de frente com o Xfce (que é modular). Não acho o Cinnamon antiquado, acho ele clássico e elegante. Lembra o Windows 7 na aparência. Mas quanto ao tem pode ser mudado facilmente.


  • O Linux Mint pra me o melhor dos distros


  • Tem umas distros que são tão boas, que chega a ser melhores que o próprio Windows, tipo o Linux Mint, KDE Neon, Deepin... O ruim é que precisa de marketing e parcerias pra terem sucesso né, o Android é a distro Linux de maior sucesso, pelo fato de ter marketing da Google, falta isso pras distros de desktop... Mas é isso ai Deivis, continue usando o Linux no desktop assim como usa no smartphone, conta mais da sua experiência pra galera, recomendo testar o KDE Neon também.


  • Engraçado que as melhores distribuições são todas baseadas em Debian como o Ubuntu e o mint que você é baseado em Ubuntu também tem no sangue um pouco do Debian


  • Linux Deepin não só deveria estar na lista dos melhores, como é o melhor da atualidade!


  • A matéria é muito boa, mas o redator precisa se atentar a repetição exagerada de palavras (a palavra "onde" foi usada exageradamente) e a alguns erros de concordância. Nada que uma boa revisão não resolva.


  • Ótima matéria, mas eu tenho o deepin instalado num PC aqui em casa, só n saio de vez do Windows por conta que utilizo mais o Notebook, e nenhuma distro apresentou uma autonomia próxima ao Windows nele.


  • Tenho restrições com o Linux Mint porque não gosto da interface Cinnamon. Me remete ao passado. Acho que tem cara de velho. Ainda gostava quando tinha o KDE. Agora que não dão mais suporte, parei de usar. Não entendo porque não falaram do KDE Neon. A base é Ubuntu, muito estável e sempre tem as novidades do time do KDE. Leve e funcional, além de ser muito bonito!


    • Concordo com você, o Cinnamon é ótimo, estável pra caramba, mas tem umas coisinhas nele que remetem época do Windows XP. Eu gosto muito do Mint, usava ele com Cinnamon até semana passada, ai coloquei o KDE Plasma e to curtindo, não é porque não vem pronto que vc não pode instalar...


    • Bom, também não sei porque, acho que faltou citar distros de renome aqui na matéria. Quando ao Linux Mint KDE ter sido deixado de lado, há alternativas interessantes, como:
      1. Kubuntu
      2. KDE Neon
      3. Manjaro KDE
      4. openSUSE KDE
      5. Nitrux


  • Comprei um Notebook Asus que veio com W10 bugado,no primeiro dia já tive que formatar, depois de um tempo as teclas não funcionavam mais, dai resolvi instalar Linux, comecei com Ubuntu e depois o Mint e arranquei de vez o Windows da minha vida.

Mostrar todos os comentários

Artigos recomendados