Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

Além da Huawei, Oppo também venderá smartphones no Brasil

Além da Huawei, Oppo também venderá smartphones no Brasil

A Huawei começará a vender smartphones no Brasil entre agosto e setembro e, aparentemente, os produtos da Oppo também chegarão aos brasileiros em breve. Um grupo, liderado por alguns brasileiros, será o responsável por inaugurar a primeira loja da Oppo entre a divisa do Brasil com o Paraguai. Segundo informações, os produtos também serão distribuídos em solo nacional.

A primeira loja oficial da Oppo, que não se trata de uma revendedora autorizada, será lançada em Ciudad Del Este, no Paraguai. Segundo o site TudoCelular, a escolha pelo Paraguai se deve ao fato de os impostos serem mais baratos por lá e, além disso, o acesso ao país ser fácil para que brasileiros possam comprar pessoalmente ou pela internet os produtos da marca chinesa.

oppo find x gif2
Find X / © AndroidPIT

Não foi revelado ao site quando os modelos serão distribuídos no Brasil ou se haverá também uma loja física no país, mas os primeiros modelos a serem vendidos na nova loja e que estão com pedido no homologação pendente junto à Anatel são os seguintes:

  • A71K
  • A83
  • F7
  • F5 Youth
  • R11
  • Find X

Os preços, assim como a disponibilidade, não foram revelados mas, segundo executivos da nova loja, os usuários podem esperar por valores competitivos. 

E aí, gostou da novidade? 

Fonte: TudoCelular

Artigos recomendados

48 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Gente, vamos com calma... Ou, como diz o ditado, "calma com o andor que o santo é de barro". Vejam por exemplo, temos aqui no BR a linha Zenfone, da Asus, temos a Linha Xperia da Sony...
    Aí, quando vamos nos sites das operadoras para vermos quais aparelhos estão homologados para o VoLTE, para o WiFiCalling, não aparece nada destas marcas.
    Dentro da toda-poderosa Samsung, muitos modelos estão de fora...


  • Complicado vir para o Brasil, aqui em Manaus, na Zona franca, tem os incentivos fiscais (Menor tributação, impostos e etc) , por isso inúmeras empresas vem pra cá, mas ainda sim, muito caro, por isso sempre que tem crise, as empresas de componentes vão embora, pq perdem suas margem de lucro.


  • O que eu acho engraçado é que a Samsung LG e Motorola principalmente elas, culpam sempre o governo pelos impostos e cargas tributárias do Brasil, A Samsung lançou o S9 no Brasil faz 4 meses por 4299 reais, hoje se encontra por 3000 reais ja vi algumas promoções de 2500 a 2800 essa semana em lojas conceituadas, a LG colocou o G7 ThinQ por 4000 reais em menos de 1 mês se acha por 3000 reais, sera que a culpa é dos impostos? vou ficar de camarote pra ver o preço desses chineses.


  • Opa que bom hein,concorrência sempre é bom.


  • Gostei sim da novidade, mas a compra pela internet passaria pela central aduaneira dos correios, teria alguma vantagem nisso?


  • Excelente notícia, agora falta a Oneplus também começar a vender seus aparelhos em terras brasileiras!


  • Mas é bom averiguar pq ontem eu li em um site que q a Oppo não confirmou as informações.

    CAV


  • Ótima notícia, muito bom saber disso.


  • eu não compro nada do paraguai, só tem merda falsificada


  • Oppo? Não quero. 🤮🤮


  • Espero que isso seja o reflexo das politicas mas capitalistas dos possíveis candidatos esse ano, e quem ganhar (tomara que seja um capitalista liberal) pense em diminuição de impostos e mais concorrência para sempre termos melhores aparelhos aqui....... quem sabe um dia concorrermos com os EUA pelo preço mais baixo do mercado

    Conta desativada


    • Cara o Brasil tem tudo para ser um país de primeiro mundo, amplo e diverso território, uma diversidade cultural muito grande, mão de obra, e o principal MATÉRIA PRIMA. em vez de produzirmos nossos próprios bens aqui nós vendemos nossa matéria prima para outros países por uma micharia e depois compramos os produtos feitos com ela por um presso que para os países que compram da gente acaba saindo e muito no lucro em sima de nossos recursos, outro fator que impede o nosso desenvolvimento é a má administração dos nossos governantes quantos de nós mesmos e também a falta de investimentos em novas indústrias que gerariam muitos empregos entre outros fatores que somados fazem o nosso país ficar como está hoje . Bom como você disse espero que quem ganhar a presidência seja uma pessoa de mente aberta que que enxergue os erros cometidos não só por um governo mais por vários que passaram esses anos sem administrar corretamente o nosso país.


  • Agora sim.


  • Só podemos dizer uma coisa... Quanto mais opções melhor é pra nós...
    Os preços já dá pra imaginar que não serão iguais aos praticados no mercado internacional, principalmente no mercado asiático.


  • Só falta a One Plus, Xiaomi, Meizu, Vivo e a ZTE e Nokia deveriam voltar também, assim estariamos salvos do Cartel Samsung/LG/Motorola formado a décadas no Brasil com o apoio de governantes inescrupulosos que temos.


    • Isso que você disse meu caro é a pura realidade fico triste com essa realidade no Brasil o problema deste nosso país é a corrupção, eles acabam com tudo de bom que tem no país e também com as boas ideias, de novas empresas entrar e melhorar o desenvolvimento do mesmo, esses nossos políticos e empresários que aqui estão precisam de Deus primeiramente e também de cadeia porque estes marginais só atrapalham o livre comércio em nosso pais.

      Conta desativada


    • Meizu até que já está representada por aqui pela Vi, mas sem relevância nenhuma.
      Xiaomi e ZTE provavelmente não sentem muitas saudades do Brasil. A segunda já até avisou que com a carga tributária praticada pelo Brasil, não tem planos de voltar a atuar pra cá.
      Vivo é parte do mesmo conglomerado dona da Oppo, então obviamente concluíram que à curto prazo, era mais coerente trazer a segunda pra cá.
      Quanto a Nokia, está na mesma situação que a Huawei estava: nunca abandonou 100% o Brasil (recentemente foi noticiado que ela fez uma reunião em São Paulo, se eu não me engano), mas não tem muita pressa em voltar a atuar pra valer por aqui no setor mobile.

Mostrar todos os comentários
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
[Error]