O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
2 min para ler 213 Compartilhado 63 Comentários

Essa é a aposta da Lenovo para começar a lucrar com a Motorola!

A Lenovo anunciou seu balanço referente ao terceiro trimestre (Q3) do ano de 2015. De acordo com fabricante, a grande aposta agora se encontra nos chamados países emergentes. Ainda que o volume total de smartphones tenha apresentado um declínio de 18,1% em relação ao ano anterior, fora da China, a Lenovo viu uma taxa de crescimento de 15% em relação ao mesmo período, promovida pelos mercados emergentes.

Índia e Indonésia foram os principais responsáveis por esse crescimento. As remessas de smartphones para esses dois países tiveram um aumento de 206% e 318%, respectivamente. Para que se tenha uma ideia de como a Lenovo passou a depender muito mais dos mercados fora do território chinês, no segundo trimestre deste ano fiscal, 75% do volume de vendas mobile da empresa vieram de fora da China. Neste trimestre, a taxa aumentou para 83%. 

E como a Motorola será usada na estratégia da Lenovo?

Neste mesmo balanço, a Lenovo divulgou que a Motorola viu suas remessas de produtos saltarem 25% em relação ao trimestre anterior, o que, segundo a empresa, mostra maior estabilidade da marca, já devidamente reestruturada no processo de fusão.

Com isso, a empresa chinesa prepara estratégias específicas para cada região, para que a Motorola impulsione os lucros de sua divisão mobile. O objetivo principal é um crescimento a longo prazo com ganhos, principalmente, na rentabilidade.

O Brasil pode ser um dos alvos prioritários

Para os chamados emergentes, a Lenovo/Motorola aposta em melhor escala de alavancagem, maiores ganhos de eficiência para acelerar o crescimento e ganho gradual de rentabilidade nos aparelhos. O Brasil pode ser um dos alvos prioritários, já que a marca perdeu participação no mercado, bem como a América Latina, conforme gráfico abaixo:

GRAFICO LENOVO
A Motorola perdeu mercado no Brasil segundo balanço divulgado pela Lenovo / © LENOVO

Já nos mercados mais maduros (principalmente EUA e Europa), a ideia é lançar produtos mais inovadores, focados em modelos mais premium. E na China, a empresa quer expandir no varejo, com uma carteira de mais ampla e forte de smartphones, uma vez que seu Market share no país diminuiu em relação à concorrência. 

Como você vê a Lenovo e a Motorola no Brasil? Algum dia a Lenovo vai conseguir ter o mesmo peso do nome Motorola na sua opinião?

213 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

  • Nícolas Kim 5/fev/2016

    Prevejo as mesmas pessoas que criticam a Lenovo agora, dizendo que ''matou a Motorola'' ou que ''isso não vai pra a frente'', etc, dizendo daqui a uns dois ou três anos: ''como a Lenovo é cada vez mais inovadora! Surpreendedora! Revolucionou o mercado de smartphones no Brasil!'' kkkkkk!

  • Marcio Candido 5/fev/2016

    Brasileiro não gosta da lenovo. Nunca gostou. A lenovo mata a marca pra ter mais dinheiro. A motorola é uma marca que criou um nicho de mercado no mundo. A lenovo nem se preocupa com as pessoas. Esse é o fraco da lenovo.

63 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi