O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
303 Compartilhados 126 Comentários

Phab 2 Pro: smartphone do Projeto Tango já tem data de chegada ao mercado

Em junho deste ano, a Lenovo apresentou o Phab 2 Pro, o primeiro dispositivo a oferecer a tecnologia de realidade aumentada do Google. Parte do Project Tango, o dispositivo será lançado no dia 1° de novembro. Saiba mais na seção “Lenovo Phab 2 Pro”.

Destacar mudanças recentes

Pegue um atalho

Lenovo Phab 2 Pro

Como dito acima, a Lenovo apresentou seu primeiro dispositivo voltado para o Projeto Tango em junho, o Phab 2 Pro. Trata-se de um phablet, feito em corpo único de metal, com tela de 6,4 polegadas e definição QHD.

O aparelho traz quatro câmera, sendo três na parte traseira. A primeira tem resolução de 16 Megapixels (padrão RGB), a segunda traz 8MP, além de uma terceira câmera de profundidade e um sensor infravermelho, que rastreia movimentos.

lenovo phab 2 pro 01 Phab 2 Pro é o primeiro dispositivo com tecnologia de realidade aumentada para o grande público / © Lenovo

Ainda que se trate de um aparelho cuja tecnologia exige capacidade de processamento, as especificações são relativamente modestas: processador Snapdragon 652 e 4GB de memória RAM.

O Phab 2 Pro traz ainda dois alto-falantes com tecnologia Dolby Atmos. A bateria tem generosos 4.055mAh e o dispositivo ainda conta com sensor biométrico.

lenovo phab 2 pro 02
O Phab 2 pro terá três câmeras na parte traseira / © Lenovo

A Lenovo afirmou ainda que o Phab 2 Pro terá, inicialmente, 25 aplicativos disponíveis para aproveitar a tecnologia de realidade aumentada do Tango. O usuário poderá optar por jogos, utilitários e apps baseados em geolocalização. Até o final do ano, a fabricante chinesa espera que o número de aplicativos que suportem a AR chegue a 100. 

Confira um vídeo do phablet em funcionamento logo abaixo: 

O Phab 2 Pro começa a ser vendido em 1° de novembro deste ano, inicialmente nos EUA, pelo preço sugerido de US$ 499, aproximadamente R$1.568,31 sem encargos.

O que é o Projeto Tango?

O Tango é um projeto do Google para harmonizar a realidade aumentada em smartphones e tablets. Ele usa o rastreamento de movimentos 3D e a percepção de profundidade que permite ao dispositivo interagir com o meio físico ao seu redor. 

Para ficar mais prático de visualizar: nós poderemos saber, por exemplo, se o sofá que queremos comprar vai caber na nossa sala e ainda poderemos visualizar como ele vai ficar posicionado no espaço em questão. E tudo pela tela do smartphone ou tablet.

Imagine jogar um game shooter no parque com seus amigos e com obstáculos mapeados e recriados em tempo real

Já existe um kit de desenvolvimento (SDK) da tecnologia disponível aos desenvolvedores, onde eles podem construir aplicativos compatíveis. Além disso, a Lenovo liberou um vídeo (confira mais abaixo) em que anunciou que o primeiro smartphone dotado do Projeto Tango será apresentado no Lenovo Tech World, que acontece no próximo dia 9 de junho em San Francisco, nos EUA. 

lenovo project tango smartphone 1
A Lenovo apresentou imagens do protótipo do smartphone que terá o Projeto Tango na última CES  / © Google

A realidade aumentada cruza com a realidade virtual de muitas maneiras e o Google estabeleceu sua própria divisão de VR que engloba o Projeto Tango.

Há rumores de que a empresa estaria desenvolvendo um headset independente, mais resistente que o Cardboard e que poderia ser comparável ao Samsung Gear VR.

Qual a diferença entre a realidade virtual e a realidade aumentada?

A realidade virtual, como vemos agora no Gear VR e no Oculus Rift, cria um mundo inteiramente virtual e é usado, principalmente, para fins de entretenimento. Coloque um fone de ouvido e você está imerso no espaço, em uma sala de concertos, no oceano ou um videogame.

androdipit samsung gear vr
O Samsung Gear VR é um primeiro sinal do que está por vir / © ANDROIDPIT

Já a realidade aumentada melhora a realidade física, adicionando mais detalhes ou mascarando-a. Isso pode acontecer em pequenas formas, como ver um cartaz em uma parede que, na verdade, não está lá. E a tecnologia também pode aparecer em grandes proporções: tudo pode parecer diferente. A pessoa pode se ver em volta em um ambiente totalmente virtual, reproduzindo cenários diversos.

Hoje, já há um cruzamento entre as realidades virtual e aumentada, o que poderá originar em uma nova realidade sobre o mundo físico. Nossos sentidos poderiam eventualmente sentir, cheirar e ouvir através da nanotecnologia, que também seria inserida nesse crossover entre as as tecnologias. Uma hiper-realidade nasceria, onde o virtual e o real seriam difíceis de serem distinguidos. Assustador, não? Mas é a tendência. 

O que a realidade aumentada poderia fazer?

Embora seja cedo para adoção em massa dessa tecnologia, a realidade aumentada é capaz de mapear ambientes do mundo real usando o MotionStudio 3D e uma tecnologia de rastreamento de profundidade. 

Um smartphone ou tablet com esses recursos vão saber onde ele está localizado no espaço em relação ao seu entorno. Isso significa que ele pode mapear uma área e depois inserir objetos que vão interagir com o ambiente.

Usando um tablet, você pode jogar uma bola, que escapará das paredes digitais e irá para área que o dispositivo mapeou (veja o vídeo de demonstração logo abaixo). Essencialmente, é a interação do virtual com o real. 

Quando a tecnologia está sincronizada com um fone de ouvido, você poderá olhar para um esqueleto de dinossauro em um museu e enxergar uma camada onde estão os órgãos, músculos e pele do animal; ou ao olhar para o marco zero de uma cidade, verificar como ela era há mil anos. 

Você poderia andar pela rua e ver a rota do seu destino sobreposta na calçada. Ou o desktop do seu escritório poderia ser inteiramente virtual, oferecendo armazenamento em 3D e apresentações gráficas, por exemplo.

O primeiro smartphone compatível com a realidade aumentada do Google será apresentado pela Lenovo em junho

A realidade aumentada também tem um potencial enorme para games. Imagine ficar em um parque com amigos e e jogar um shooter ao vivo? Nesse gênero, os obstáculos seriam mapeados e se formariam em tempo real. Seria como um laser-tag, mas muito mais envolvente e realista.Ou jogar Banco Imobiliário, onde suas propriedades estão em tamanho real na sua frente? 

O realidade aumentada também seria muito útil nas tarefas cotidianas. Imagine olhar para o motor de um carro e visualizar um guia virtual, que se sobrepõe e instrui o usuário sobre o que fazer.

Sim, as possibilidades são bem animadoras. Que venha o Phab 2 Pro!

Você compraria um smartphone com suporte à tecnologia de realidade aumentada?

Os comentários favoritos dos leitores

126 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi