Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

Comparativo: as diferenças entre os Moto G7, Play, Power e Plus

Comparativo: as diferenças entre os Moto G7, Play, Power e Plus

A Motorola lançou a nova série Moto G7 no Brasil agora no início de fevereiro. Em uma manobra ousada, mais um aparelho foi incluído na linha, que agora conta com quatro aparelhos diferentes. Apesar de ter confundido um pouco a cabeça do usuário, a Motorola tem uma ideia bem clara do que deseja.

Não foi por puro acaso que apareceram quatro aparelhos. Com eles, a Motorola espera oferecer experiências ideais para cada tipo de usuário intermediário, e nós vamos explicar agora para você a diferença de cada um deles, para escolher direito.

Moto G7 Plus

Preço de lançamento: R$ 1.899
Preço médio atual: R$ 1.710

O G7 Plus é um dos destaques da Motorola, juntamente com o G7 Power. Como em todo ano, a versão Plus é a mais popular e a mais completa para quem se interessa pela linha Moto G. Nessa sétima geração, sua principal característica é a câmera, dupla e mais cuidada pela empresa.

O design é o mais caprichado da linha, com traseira em vidro e o notch mais discreto, em forma de gota. Sua bateria não é a maior da linha, mas há a grande vantagem do carregador TurboPower de 27W na caixa, que em meia hora consegue dar mais de 10 horas de uso para o aparelho e em menos de uma hora recarrega 100% da bateria.

A versão em vermelho contrasta com a azul já tradicional da Motorola, e é realmente muito bonita. A câmera traseira tem estabilização óptica e inteligência artificial, além de muitas funções extras para tirar melhores fotos. É um intermediário um pouco mais caprichado, mas não é premium.

  • Dimensões: 157 x 75.3 x 8.27 mm;
  • Peso: 172 g;
  • Tela: 6,24" Full-HD+ (2270 x 1080 pixels);
  • Processador: Snapdragon 636;
  • RAM: 4 GB;
  • Armazenamento: 64 GB;
  • Câmera traseira dupla: 16 MP f/1,7 com OIS + 5 MP f/2,2;
  • Câmera frontal: 12 MP f/2,0;
  • Bateria: 3.000 mAh;
  • Biometria: leitor de digitais na traseira, reconhecimento facial 2D.
motog7plusty
Moto G7 Plus / © AndroidPIT

Moto G7 Power

Preço de lançamento: R$ 1.399
Preço médio atual: R$ 1.260

O Moto G7 Power é uma novidade na linha, e seu destaque é a bateria de 5.000 mAh, mais ou menos explicando a diminuição da bateria do Moto G7 Play. O entalhe da tela é igual ao do Moto G7 Play, que por sua vez lembra o Motorola One nesse sentido. A bateria é realmente um caso à parte, pois tem uma enorme duração.

Por causa de sua bateria, ele é o maior e mais pesado da linha, mesmo tendo o mesmo tamanho de tela do Moto G7 Plus. Seu acabamento é bonito mas não é em vidro, e sim em polímero de vidro. A tela é em definição HD para ter o preço abaixo do Plus e também para ter uma melhor duração de bateria. Além do azul, está disponível em um lilás degradê, o primeiro da Motorola.

E apesar de ter essa bateria bem maior, seu carregador é TurboPower, mas não tão potente quanto o do G7 Plus, sendo um de 15W, já na caixa. Sua câmera é mais simples, e o processador é o mesmo do Moto G7. É um intermediário para quem quer bateria e mídia, já que ele também tem TV Digital.

  • Dimensões: 159.4 x 76 x 9.3 mm;
  • Peso: 193 g;
  • Tela: 6,2" HD+ (1520 x 720 pixels);
  • Processador: Snapdragon 632;
  • RAM: 3 GB;
  • Armazenamento: 32 GB;
  • Câmera traseira: 12 MP f/2,0;
  • Câmera frontal: 8 MP f/2,2;
  • Bateria: 5.000 mAh;
  • Biometria: leitor de digitais na traseira.
motog7poweropi
Moto G7 Power / © AndroidPIT

Moto G7

Preço de lançamento: R$ 1.599
Preço médio atual: R$ 1.440

O Moto G7 é o modelo híbrido, ou seja, não tem a bateria do G7 Power e não é tão básico quanto o G7 Play. Essa versão costuma tem o melhor custo/benefício da série por entregar hardware compatível os os demais atendendo diferentes perfis de uso.

É para os que querem um intermediário legal, mas sem gastar tanto quanto no caso do G7 Plus. Por isso, detalhes como bateria, armazenamento, RAM e tela são iguais, com câmera e processador ligeiramente inferiores. Como diferencial, o G7 está disponível em uma bonita versão branca com plástico imitando metal brilhante, além do já conhecido azul.

g7motohyt
G7 tem câmera dupla / © AndroidPIT

É ligeiramente mais fino, por não ter a câmera mais trabalhada, mas também conta com carregador TurboPower na caixa e tela FullHD+, incluindo aí o notch em formato de gota, mais discreto.

  • Dimensões: 157 x 75.3 x 7,92 mm;
    Peso: 172 g;
  • Tela: 6,24" Full-HD+ (2270 x 1080 pixels);
  • Processador: Snapdragon 632;
  • RAM: 4 GB;
  • Armazenamento: 64 GB;
  • Câmera traseira dupla: 12 MP f/1,8 + 5 MP f/2,2;
  • Câmera frontal: 8 MP f/2,2;
  • Bateria: 3.000 mAh;
  • Biometria: leitor de digitais na traseira, reconhecimento facial 2D.

Moto G7 Play

Preço de lançamento: R$ 999
Preço médio atual: R$ 880

O Moto G7 Play mantém a tradição da variante que é conhecida como a porta de entrada da série, ou seja, o modelo mais básico e que propõe uma experiência de uso justa. Já está por um preço médio bem aceitável, e é um intermediário simples indicado para quem não é exigente com o aparelho.

motog7emg
Moto G7 Play / © AndroidPIT

Seu acabamento é em plástico texturizado, o que o deixa fosco, disponível em azul e dourado. Lembra um pouco as séries mais simples da Motorola, como o Moto E, e traz um notch bem grande na tela que é grande, mas a menor da linha.

Não traz carregador Turbo na caixa, apenas um rápido, mas sua bateria é a mesma que o G7 e G7 Plus, que junto a uma menor tela e processamento mais simples trazem uma ótima duração diária. Um bom aparelho para quem usa apenas mensageiros e internet como um todo.

  • Dimensões: 147.3 x 71.5 x 7.99 mm;
  • Peso: 149 g;
  • Tela: 5,7" HD+ (1512 x 720 pixels);
  • Processador: Snapdragon 632;
  • RAM: 2 GB;
  • Armazenamento: 32 GB;
  • Câmera traseira: 13 MP f/2,0;
  • Câmera frontal: 8 MP f/2,2;
  • Bateria: 3.000 mAh;
  • Biometria: leitor de digitais na traseira.

E aí, o que você achou da série Moto G deste ano?

Artigos recomendados

18 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Sobre moto G7-play "Nao recomendo a ninguem comprar" Vamos ao caso: Comprei um a 20 dias .So dor de cabeça. Nao tem sinal, VIVO/CLARO * esquece nao funciona. Acionei a Motorola no segundo dia ,mandou fazer "ajuste tecnico" restart Bootloader/Rede Apn/ trocar slot/ Colocar outro chip " Esquece. Levei na autorizada pediram 15 dias para analisar. Aqui o bicho pegou! Nao concordo em deixar o aparelho la esse tempo, o cara fuçar,e me devolver, porque daqui a 90 dias o problema volta e com certeza vai aparece outro problema maior. E A BRIGA ESTA FEIA. A MOTOROLA NAO ASSUME O B.O, NAO QUE TROCAR E NEM CANCELAR A COMPRA. E tudo esta caminhando para ficar com prejuizo. Desde quando comprei so do cabeça, ninguem consegue falar comigo. O chip claro corporativo esta funcionando lindo no Iphone 5 * que cometi o erro de comprar essa linha Moto. E pesquisei na net , e o historico e grande problema sinal da motorola,. RESUMIDO: NAO RECOMENDO PULA FORA B.O FEIO. Obrigado a todos que leio e se estiver alguma contribuição, agradeço.


  • O que chama bastante a atenção é a rapidez com que esses aparelhos chegaram no varejo, especialmente o físico.
    Além de que a Motorola atualmente anda bastante presente na programação da Globo, inclusive patrocinando o Esporte Espetacular (bem como vários eventos esportivos exibidos no programa).

    Fazendo a lição de casa, fica fácil entender porque, mesmo com uma política de preços controversa e aparelhos com qualidade discutível, ela conseguiu se aproximar mais da Samsung em vendas no Brasil em 2018.

    O duro é que essa lição de casa a LG e a Asus não estão conseguindo fazer (o que justifica estarem tão distantes dos dois primeiros lugares em vendas aqui no Brasil).


  • Que bom que a maioria dos leitores do Androidpit tem a disponibilidade de buscar importados, e conta com a sorte na hora da assistência.
    Eu não consigo me adaptar a importação, tenho pé atrás por conta da assistência técnica e seguro.
    sei que os valores são mais atrativos, mas na boa...preciso ter um serviço de pós venda caso algo aconteça, só isso!

    CAV


    • Quem está acostumado a comprar online e se informa bem a respeito de importação acaba se acostumando mais rápido a empreitadas do tipo.

      Não vejo a questão da assistência técnica como algo decisivo, porque além de geralmente só durar 12 meses, é mais provável um aparelho dar problema fora da garantia do que durante, e é preciso muito azar para se adquirir uma unidade com defeitos de fábrica.
      Fora que vários problemas podem ser resolvidos apenas com pesquisa na internet.
      Não que seja algo descartável ou irrelevante, mas não que seja necessariamente um quesito decisivo, diferente do que pode parecer.

      No fim, pra fazer isso, a pessoa tem que gostar muito da marca, do aparelho ou de fazer esse tipo de coisa.
      Do contrário, não acho aconselhável recorrer a importação.


  • Comprei o G7 polar, lindo o telefone, estou mto satisfeito, tanto com o desempenho quanto com a tela, o sistema pie ta redondinho, e muito mais bonito que o Oreo. Essa tela é demais, tinha um g5plus antes, a tela era boa, mas mto pequena, recomendo o G7, pra quem não joga e não tira fotos quase, acho que vale a pena economizar uns trocos e pegar só o G7 e não o plus.


  • Eu nunca comprei Moto G, mas as pessoas ao meu redor sempre compraram. Hoje luto para que elas comprem aparelhos chineses, já levei uns 5 usuários para o lado Xiaomi da Força.


  • Olha esses preços, e o Pocophone por menos de R$ 1.700,00 no ML (com excelentes vendedores).


  • R$ 1.710 num Snapdragon 636 com camera media...


  • Aparelhos dentro da categoria deles... O problema são esses preços altos pra um intermediário que o mercado nacional tá cobrando ultimamente...
    O maior defeito de todo Moto G atualmente é a sacanagem que a Lenovo fez de dar só um update do Android...


  • interessante


  • Ainda prefiro importar o Pocophone F1.


  • Prefiro mil vezes meu Mi 8 Lite, tô fora


  • Passo. Eu fiz uma promessa que não vou mais comprar telefones no Brasil.

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.