O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
97 Compartilhados 39 Comentários

Compartilhamento de apps pagos: Google quer toda a sua família usando o Android

A partir de 2 de julho uma novidade chegará na Google Play: os aplicativos comprados na loja poderão ser compartilhados por toda a sua família. A maneira como o compartilhamento familiar de aplicativos vai funcionar está descrito na documentação para desenvolvedores liberada pelo Google pouco antes do I/O 2016. Isso mesmo, o Google quer que todos seus familiares usem um dispositivo Android.

Para quem não está por dentro dessa mudança, se trata de um modo no qual um usuário da Google Play poderá compartilhar as compras feitas na loja com um familiar ou outra pessoa de confiança. O "Family Library", como é chamada a função, irá permitir que você adicione até seis pessoas que poderão instalar qualquer aplicativo gratuitamente, desde que anteriormente tenha sido pago por você.

O Google quer que todos seus familiares usem um dispositivo Android

O Google já comunicou e explicou aos desenvolvedores sobre a mudança. Uma vez feita, não poderá ser revertida. Além disso, a mudança não se aplicará somente às compras realizadas a partir do dia 2 de julho, o Google está incentivando os desenvolvedores a implementar o mecanismo em apps comprados anteriormente.

Google Family Library vs Compartilhamento familiar da Apple

Ainda não existem muitas informações sobre como tudo irá funcionar e algumas questões ainda não ficaram claras. Por exemplo: no iOS existe algo parecido, chamado de "compartilhamento familiar". No sistema da Apple, o recurso funciona da seguinte forma: um usuário cadastra o seu cartão de crédito e cadastra 6 pessoas para compartilhar a conta. Eles podem, inclusive, comprar aplicativos no nome da pessoa.

androidpit google play music hero 02
Google Play Music pode ser compartilhado com a família / © ANDROIDPIT

No Google já existe algo parecido, mas somente para quem é assinante do Google Play Música. Quem assina o serviço, dentro do app, consegue criar um grupo familiar e esses podem usar a conta do "gerente de familia" para comprar aplicativos, livros e etc. Porém, tudo é feito somente com a aprovação do dono da conta. Já no "Family Library" tudo seria independente do Google Play Música, ou seja, muito provavelmente será bem parecido com o sistema da Apple.

Mas os desenvolvedores do Google ainda precisam esclarecer algumas perguntas, como se os membros que compartilham aplicativos poderão comprá-los também ou apenas compartilhá-los? No documento que vazou sobre essa nova função é possível saber que os desenvolvedores poderão dar a opção do usuário compartilhar, ou não, sua conta. Nada é falado sobre comprar em nome da outra pessoa. Vejam trecho do documento abaixo:

google family
Documento enviado aos desenvolvedores pelo Google / © Google

Compartilhar compras com outros é algo bom? 

Embora, em um primeiro momento, seja uma implementação interessante, será que é realmente algo totalmente positivo? Penso que sim. Atualmente, tenho que logar com minha conta do Google no celular da minha esposa para ela ter acesso aos aplicativos pagos por mim. Para mim não há problema, mas e aqueles que fazem compras que não desejam ser compartilhadas? Livros, jogos, filmes e outras coisas que preferem manter em segredo, como ficaria isso? Afinal, tem pessoas que valorizam muito a privacidade.

Maridos e esposas até podem compartilhar os mesmos aplicativos e jogos, mas e os filhos? Já imaginaram eles clicando em todos os joguinhos pagos ou comprando tudo o que ver pela frente em jogos com compras dentro do app? Claro que o Google terá que criar limites para o "gerente da conta" administrar tudo isso. Se não tiver um bom controle, a função irá mais atrapalhar do que ajudar, se isso acontecer ninguém vai usar.

AndroidPIT privacy 1 w782
Toda minha família precisa saber o que eu instalo no celular? / © ANDROIDPIT

Ainda tem a questão dos desenvolvedores. São seis pessoas para compartilhar, mas e se eu quiser descadastrar um, colocar um amigo e ele instalar um app pago meu, ou vice versa? Os desenvolvedores terão prejuízo. Isso acontecerá muito. Ao invés de comprar, será fácil achar um amigo que já tenha pago por aquele app que você tanto deseja. Creio que isso irá desmotivar os desenvolvedores, e muitos não irão colocar essa opção de compartilhamento em seus apps, já que não é algo obrigatório como vimos no documento acima.

O Google está te dando mais razões para só usar smartphones com Android?

Obviamente que tudo que uma empresa faz tem objetivos mercadológicos, e não seria diferente com o Google. Ao implementar a Family Library, o Google está mirando em "dominar o lar" com o Android. A Apple já faz isso há muito tempo. Embora fechado para o restante das plataformas, os dispositvos da Apple sabem conversar muito bem entre si. Não é a toa que quando um membro da família tem um iPhone, quase sempre o resto da familia também tem um.

O Google agora pode fazer o mesmo. Já pensou uma familia com seis pessoas que costumam frequentemente comprar aplicativos? A economia seria muito grande.

O que você acha de compartilhar aplicativos pagos por vocês com outros? Essa seria uma implementação bem-vinda ou vai depender de como o Google irá delimitar isso?

39 Comentários

Escreva um comentário:
  • No caso de algum usuário ao qual eu esteja compartilhando a minha conta tentar comprar um aplicativo, basta a Google adicionar o velho bloqueio pedindo o código do cartão de credito antes de fechar a compra. Eu tenho muitos apps pagos e adoraria dividir os mesmos com o smartphone da minha namorada por exemplo.

  • concordo com a questão de que se tiver um bom gerenciamento do titular as coisas serão boas

  • Se fizerem igual a Apple será interessante, pois posso aprovar as compras na tela do meu telefone. Fica mais fácil compartilhar a localização. É mais, um cartão somente pra gerenciar. Fica muito mais prático.

  • Interessante essas informações.

  • E algo muito bom,fica claro o caráter familiar do plano,muito bom eu teria fácil.

  • Causaria uma treta ... kkjkk

  • Eu geralmente compro aplicativos, não vejo problemas em pagar por um serviço que vai me trazer algum benefício, afinal, temos de reconhecer o trabalho das pessoas.
    Hoje eu já utilizo o plano familiar do Google Play Music e se surgirem mais serviços familiares bons, eu provavelmente irei adotar.

  • Pra quem tá achando que o desenvolvedor vai sair no prejuizo: Quantos usuários o Android possui? Quantos realmente compram um aplicativo na loja? Quase ninguém compra aplicativos na Play Store, se o plano familiar elevar esse número que é praticamente irrisório para qualquer valor que seja, o desenvolvedor já sairá no lucro. Eu utilizo android a anos e em todo esse tempo eu só comprei 2 aplicativos, com o plano família eu poderei rachar o valor de apps mais salgados com amigos e todos poderão utilizar. Deixem de mimimi.

  • no Brasil oq vai ter de gente se aproveitando disso não ta no gibi viu...

  • Já uso muito no Google livros comecei a usar o Google Music para 6 pessoas mês passado e sou assinante do Spotify desde o início dele e recentemente baixou para 22 ,00 para 6 pessoas assim como Google Music pago 44 reais nos dois apps por mês para 12 pessoas, resolvi presentear meus sobrinhos mas aquele que tirar menos de 6 no boletim da escola fica o próximo mês sem musica e se não tirar pelo menos um 10 em alguma matéria fica sem o player preferido, assim eu incentivo eles a estudarem já que a maioria deles gostam mais do Spotify kkk...não seu porque esse mimimi todo, uma ótima noticia que beneficia a família toda e me desculpem os desenvolvedores mas se não pode com eles junte-se a eles, ao invés de pensarem nos seus próprios bolsos e umbigos trabalhem mais e desenvolvam Apps mais eficazes.

  • Os desenvolvedores não sairão no prejuízo, porque para trocar um dos membros da "família" é necessário esperar um ano. Pelo menos é assim que acontece com a assinatura do Google Play Music.

  • No Brasil isso vai virar sacanagem como tudo, cara vai cadastrar 6 amigos, eles baixam, depois apagua e cadastra outros 6 e por aí vai. Ou então vai usar isso pra ganha dinheiro usando o mesmo conceito....

    • Se seguir o padrão Play músicas, os cadastrados só podem ser alterados no prazo de um ano. Vc até pode por 6 amigos mas não poderá mudar com facilidade.

Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi