O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
4 min para ler 147 Compartilhado 43 Comentários

Porque o novo Assistente do Google é a melhor notícia da semana

Lembra todas as vezes em que você acionou um aplicativo para saber qual música estava tocando ou qual artista estava cantando? Ou quando você pesquisava no celular usando a voz para saber quem era o presidente dos Estados Unidos? O Google Now estava aprendendo a entender o que você dizia, decodificava o áudio para texto e oferecia uma informação. Alguns anos se passaram e o sistema ficou ainda mais inteligente. Agora, conhecemos a evolução natural do Google Now, e vem chamada de Assistente do Google, ou Google Assistant.

Para adequar a tecnologia ao nosso idioma, vou seguir usando Assistente do Google. Este serviço é, claramente, um upgrade daquilo que já temos nos nossos smartphones Android. Como nos foi apresentado ontem, o serviço está mais inteligente e capaz de dar continuidade a uma conversa de forma eficaz. Ficou muito claro que estamos caminhando para aquele futuro no qual vamos nos referir a serviços realizados por robôs e seres humanos. O Assistente do Google é a prova de que em vez de uma secretária, você terá um gadget, chamado Google Home ou smartphone ajudando você nas suas atividades diárias, como remarcar o restaurante para um novo horário.

Queremos que os usuários tenham um diálogo contínuo de duas vias
google allo bra
O Allo é o novo messenger do Google e promete uma boa interação com o Assistente da empresa / © ANDROIDPIT

A evolução do Google Now como conhecemos hoje vai além. O Assistente do Google recebe uma integração ainda maior com os serviços recém lançados da gigante das buscas, como o Allo, um aplicativo mensageiro desenvolvido pela equipe do Android e aberto para que desenvolvedores ofereçam recursos de chatbots. Algo que abre uma porta gigante em relação às possibilidades que temos hoje no Hangouts.

De acordo com o CEO do Android, Sundar Pichai, "a empresa quer que usuários tenham um diálogo contínuo de duas vias". Para quem não se recorda, logo que tivemos a criação da Alphabet, Pichai ficou responsável pelo Android e pelo serviço de buscas do Google, na multinacional Google Inc.. Olhando para o que foi apresentado durante o Google I/O 2016, essa união pode ser muito bem-vinda.

Aliás, o Assistente do Google, não é o único serviço de inteligência artificial a aparecer no mercado este ano como um grande avanço da área. A Alexa, assistente da Amazon, vem causando furor nos EUA por transformar a rotina dos usuários. Além deste, temos o Hound, desenvolvido pelo SoundHound - sim, o mesmo desenvolvedor do app de reconhecimento de música que leva o nome da agência. Depois, ainda como uma promessa, temos a Siri que, depois de ontem, terá que receber uma repaginada da Apple no WWDC para continuar competindo na categoria de assistentes de voz. Por fim, a Microsoft também está investindo alto na Cortana.

Google i o 2016 keynote 9
"Conversas são o que fazem as coisas acontecerem no seu mundo" / © Google

Como você pode notar, assistentes de voz em conjunto com um bom sistema de bots estão mais presentes no nosso dia-a-dia do que podemos, às vezes, imaginar. E, o fato da gigante das buscas ter anos de pesquisa, informações e estatísticas dentro desta tecnologia faz sim do Google um dos favoritos ao desenvolvimento da melhor plataforma de voz. 

É ainda mais interessante ver o Google, uma empresa que tem o lucro baseado essencialmente em propaganda através das buscas, investindo desta forma em um assistente de voz. Com certeza, veremos a partir de agora um esforço maior da gigante das buscas em desenvolver novos produtos para continuar crescendo neste ramo. O que será que Sundar Pichai tem em mente?

Um dos fortes candidatos é o novo aplicativo de mensagens "Allo", que vai claramente servir para a indicação de uma série de serviços através dos chatbots.

Por fim, o Assistente do Google - upgrade do Google Now ou do Google App - logo, logo vai transformar a sua vida. É claro que existem ressalvas aqui, visto que uma coisa é o que vemos no vídeo teaser do Google Assistente, apresentado ontem; outra coisa é ter o serviço em mãos e testá-lo. Contudo, estou realmente empolgada por essa tecnologia e vejo o smartphone cada vez mais no centro da nossa experiência com a tecnologia.

PS.: não perca o brasileiro querendo aparecer nos braços do Cristo Redentor - eu juro que curti!

E aí, o que você pensa sobre essa evolução do Google Now e a interação cada vez maior com inteligência artificial? Estou realmente curiosa para saber a sua opinião.

147 Compartilhado

43 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi