O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
47 Compartilhados 15 Comentários

Samsung e o bloqueio local dos cartões SIM

Alguns usuários tiveram uma surpresa desagradável ao comprar o Galaxy Note 3. Especificamente, aqueles que fizeram o pedido fora do seu respectivo continente. Desde ontem, um lacre adesivo nas caixas do novo phablet da Samsung tem chamado a atenção por trazer uma restrição de uso do aparelho. Versões americanas e europeias possuem um bloqueio regional do cartão SIM. Saiba o que isso significa.

Note 3 bloqueo regional 2
Lacre adesivo da caixa do Note 3 para modelos do continente americano! / © htc6500uk - XDA Developers

A princípio, os dispositivos Note 3 vendidos nos Estados Unidos, estariam bloqueados para uso na Europa. Logo, os usuários não poderiam colocar um cartão SIM da União Europeia em um Note 3 comprado nos EUA, e vice-versa. Além de problematizar o uso dos aparelho em viagens - devido aos elevados custos de roaming -, caso alguém encomendasse um Note 3 da União Europeia, o mesmo não poderia ser usado no Brasil, por exemplo.

Porém, depois que o site All About Samsung levantou a questão na rede, a Samsung se manifestou oficialmente com relação à materia:

Alguns dos atuais produtos da Samsung estão sendo fornecidos com um bloqueio local do cartão SIM. Isto significa que equipamentos adquiridos na União Europeia, com cartões SIM de operadoras de telefonia móvel da União Europeia e do Espaço Econômico Europeu funcionarão como de costume.

Os usuários destes dispositivos Samsung podem continuar a usá-los, juntamente com o seu cartão SIM de uma operadora de telefonia móvel da região da Europa através do pagamento das tarifas de serviço de roaming dos seus provedores. Agora, se o aparelho foi comprado na União Europeia, e ainda não foi colocado em uso, sendo ativado pela primeira vez no exterior, este estará bloqueado. Para desbloqueá-lo terá que usá-lo pela primeira vez dentro do país onde foi comprado.

Vamos começar pelo início: além do Note 3, dispositivos como Galaxy S4, o S4 Mini, o Galaxy S3 e o Note 2 produzidos após o final de julho de 2013 possuem a mesma restrição. Curiosamente, as versões asiáticas do novo phablet da Sammy não possuem tais limitações.

Basicamente, o bloqueio do SIM regional está em vigor. No entanto, desde que você inicialmente ative o aparelho no país onde foi comprado, poderá usá-lo em outros continentes usando o serviço de uma operadora local. Supondo que você faça isso, então será capaz de viajar e usar um SIM local para o país onde você estiver.

Pense pelo lado positivo, pelo menos eles estão colocando uma etiqueta de aviso para dar algumas dicas para a pessoa que fez ou fará a compra.

Ainda assim, seria uma boa a Samsung repensar o texto sobre os adesivos. Afinal de contas, a atual mensagem: "Modelo Europeu: Este produto é compatível apenas com um cartão SIM emitido por uma operadora de telefonia móvel na Europa" pode ser facilmente mal interpretado.

A princípio, este protecionismo da Samsung pode não afetar muitos brasileiros visto que a fabricante lança seus produtos com certa rapidez no mercado nacional. Entretanto, para aqueles que procuram pagar menos e costumam comprar importados da Europa, esta restrição pode, sim, incomodar.

E aí, você acha que a Samsung está certa em colocar um bloqueio regional do cartão SIM dos seus atuais dispositivos? Isso pode ser uma grande questão para usuários brasileiros da fabricante no futuro? Deixe-nos saber sua opinião nos comentários abaixo.

15 Comentários

Escreva um comentário:
  • Estou super chateada com a SAMNSUNG , comprei um aparelho bloqueado!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Sem essa, vocês não precisam competir com concorrentes , vocês vão perder!!!!!!!
    Encontro isto um absurdo...........................................
    Quem vai ganhar,?Quem vai perder?

    OBRIGADO FENAC por fazer as pessoas de otárias, e não avisar, me sinto uma otária, pela FENAC e pela SAMSUNG, quer vender aparelhos que não podemos usar onde queremos,

  • Comprei meu s6 na Europa usei durante 3 meses sem ter nem um problema, sexta feira cheguei no Brasil e meu celular não funciona. Ninguém sabe informar ao certo o q fazer e eu fico com um celular inutilizável.
    Se alguém souber como resolver o problema me falem!
    Detalhe, quando coloco meu chip da Oi a opção de rede móveis desaparece do menu de configurações.

    Grato

  • Só Samsung amigo.

  • Esse bloqueio também se aplica nos novoso celulares da LG?

  • se ela continuar com isso, com certeza irá perder mercado!! eu serei umas delas que não comprarei mais nada da samsung

  • Acredito que essas pequenas restrições somadas podem vir a se tornar uma grande questão para usuários da fabricante no futuro, isso porque apesar de ser um Samsung, os aparelhos carregam o Android e deveriam respeitar a ideia de diversidades e personalização que torna o sistema tão atrativo aos usuários. Hoje a fabricante já impõe restrições aos aparelhos rooteados, como por exemplo o bloqueio de atualização OTA, mas restringir o uso por operadoras e região já começa a ficar complicado... Se for pra ter restrições melhor ficar com o IOS.

  • a Samsung está perdendo a noção.

  • Samsung me decepcionou com essa atitude. Ela por acordo com operadoras topou essa atitude a qual vai deixar uma imagem altamente negativa para Samsung. O que eu chamo de marketing reverso satisfazer as operadoras do que o cliente. Só que ela esta esquecendo que e o cliente que segue a marca. Como viajo bastante, numa vez meu aparelho Iphone pifou e acabei comprando o Samsung S3, acabei gostando onde passei para Note II. Veja o caso atualmente o aparelho pifa e não posso compra um Samsung pq. esta bloqueado para outra operadora então só obrigado a comprar o Iphone S5. NO FINAL E ISSO QUE ELA QUER.

  • pelo que entendi, o aparelho precisa ser usado inicialmente com um cartão Sim da Europa e que após isso ele está liberado para uso em outros países. mas, mesmo assim essa não é uma notícia muito boa. concordo com o Rafael Netto, se comprei escolho qual cartão Sim usar. ponto final.

  • Entendi, pelo texto da ALL ABOUT SAMSUNG, que mesmo comprando e habilitando um S4 na Europa, não poderei usar um SIM Card do Brasil, tendo que pagar roaming com o SIM Card da Europa.
    Segue o texto: "...equipamentos adquiridos na União Europeia, com cartões SIM de operadoras de telefonia móvel da União Europeia..." e em seguida "...podem continuar a usá-los, juntamente com o seu cartão SIM de uma operadora de telefonia móvel da região da Europa através do pagamento das tarifas de serviço de roaming dos seus provedores."
    Contradizendo a interpretação do autor do texto que "... desde que você inicialmente ative o aparelho no país onde foi comprado, poderá usá-lo em outros continentes usando o serviço de uma operadora local."

  • Sem palavras! A Samsung deu um grande passo pra trás! Meu S3 é francês, por exemplo!

  • Decisão protecionista demais. Se eu compro um aparelho de telefone móvel, sou eu quem decide o que usar, quando usar e onde usar. Não é o fabricante do hardware que vai me obrigar. Bola fora da Samsung. O negócio é o Nexus mesmo.

  • Nexus eh o q há

  • A Samsung parece que anda pedindo para perder clientes.
    A demora em atualizações para os "flagships", a confusão em muitos modelos do mesmo telefone (S4) e, uma coisa que sempre me fez comprar os aparelhos fora daqui: A capacidade de armazenamento deles.
    Para o Brasil somente chegam os aparelhos com no máximo 16 GB de memória, enquanto lá fora podemos comprar com até 64 GB.
    Isso sem contar coisas que já aconteceram como ter ou não Gorilla Glass nos aparelhos nacionais.
    A demora que ocorre para atualização das ROM's nacionais é sempre um fiasco.
    De agora em diante para mim, somente da linha Nexus mesmo, não importa o fabricante.

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi