O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
7 min para ler 256 Compartilhado 49 Comentários

ASUS Zenfone Max vs. Motorola Moto Maxx: a briga das super baterias

A Asus resolveu lançar um dispositivo com uma capacidade de bateria acima da média, o Zenfone Max. No Brasil, a Motorola comercializa o Moto Maxx, que é uma referência no segmento de super baterias, visto que a capacidade encontrada no modelo ultrapassa alguns tablets. Resolvemos comparar os dispositivos "Max", que prometem aos usuários mais de 48 horas de autonomia fora da tomada. Confira nosso comparativo abaixo.

Zenfone Max vs. Moto Maxx: Design e acabamento

As abordagens visuais de ambos os fabricantes são bem distintas. O Moto Maxx é um dispositivo com 11,2 milímetros em sua parte mais espessa, o que é considerável. O modelo também não é nada leve, com 176 gramas. O peso e as dimensões do Moto Maxx são totalmente aceitáveis, visto que o dispositivo abriga uma bateria de grande capacidade. 

ANDROIDPIT Motorola motomaxx teaser front
Moto Maxx: parte frontal recoberta em vidro com botões capacitivos. / © ANDROIDPIT

O acabamento traseiro do dispositivo é composto de Nylon, com boa aderência e aspecto robusto. A parte frontal é recoberta em vidro e possui botões capacitivos retroiluminados em sua parte inferior. O modelo está longe de ser uma referência em design; entretanto, o trabalho realizado pela Motorola pode agradar a alguns usuários.

ANDROIDPIT Motorola motomaxx back
Revestimento traseiro do Moto Maxx. / © ANDROIDPIT

O Zenfone Max não se diferencia muito daquilo que já vimos na atual série Zenfone. O dispositivo é totalmente composto de policarbonato emborrachado, com toque agradável e boa aderência. A Asus utiliza os mesmos botões capacitivos que encontramos no Moto Maxx, mas sem retroiluminação por LED. Embaixo desses botões encontra-se uma placa em alumínio escovado que confere uma certa elegância ao modelo.

ASUS ZenFone Max side
Acabamento do Zenfone Max. / © Asus

Zenfone Max vs. Moto Maxx: Tela

A tela é outro ponto divergente entre ambos os dispositivos. O Zenfone Max possui 5,5 polegadas de tela com resolução HD (1280×720), resultando em 267 ppi. O painel utilizado pela empresa é um LCD com tecnologia IPS, que reforça os ângulos de visão exibindo contraste e cores bem equilibradas. A proteção contra riscos e arranhões presente no dispositivo é a Gorilla Glass 4, da Corning.

O Moto Maxx possui 5,2 polegadas de tela com resolução QHD (1440 x 2560 pixels) e 565 ppi. A tecnologia de tela utilizada pela Motorola é a AMOLED, que oferece cores mais saturadas e alto nível de contraste. Assim como o Zenfone Max, os ângulos de visão de Moto Maxx são excelentes. A proteção contra riscos e arranhões é a Gorilla Glass 3.

ANDROIDPIT Motorola motomaxx front
Tela QHD do Motorola Moto Maxx. / © ANDROIDPIT

A tela maior do Zenfone Max não é exatamente um problema para a bateria do dispositivo, visto que a resolução entregue pela Asus nessa proporção é extremamente baixa. Entretanto, não podemos deixar de mencionar a eficiência energética proporcionada pela tecnologia AMOLED utilizada no Moto Maxx, que não realiza a retroiluminação de fundos na cor preta. Mesmo com uma resolução três vezes maior, o dispositivo da Motorola consegue ser energicamente compatível com o Zenfone Max, pelo menos no quesito tela.

Zenfone Max vs. Moto Maxx: Software

O Moto Maxx sai de fábrica com Android 4.4.4 KitKat atualizável para o Lollipop 5.0.2. O software é quase puro, pois vem embarcado com poucos aplicativos da empresa, além de alguns recursos que podem ser acionados por comandos de voz, como acontece com o Moto X Play, por exemplo. A versão 5.0.2 não oferece nenhum recurso para economia da bateria de maneira nativa e, no caso do Moto Maxx, a Motorola não embarca nenhum aplicativo específico para gestão de energia. Com a chegada do Android Lollipop 5.1 ao Moto Maxx, os usuários poderão contar com um modo para economia de energia de maneira nativa.

MOTO
Interface quase pura presente no Moto Maxx. / © ANDROIDPIT

O Zenfone Max sai de fábrica rodando o Android Lollipop 5.0 e a interface do usuário Zen UI 2.0. A skin proprietária da Asus possui diversos aplicativos embarcados, alguns úteis e outros com utilidade duvidosa. Como estamos falando de um dispositivo com bateria acima da média, não podemos deixar de mencionar o modo de bateria nativo da Zen UI.

O software chamado de "Economizador de energia" conta com três modos que podem ser configurados pelo usuário: personalizado, otimizado e ultra-econômico. Todas essas opções gerenciam os aplicativos que estão sendo executados em segundo plano, além de processos do sistema e recursos gerais, que são temporariamente desligados ou pausados. Com isso, a autonomia da bateria pode ser otimizada pelo usuário através de alguns truques no software.

bateriaasus
Modo de economia de energia nativo na Zen UI. / © ANDROIDPIT

Zenfone Max vs. Moto Maxx: Desempenho

Não existem muitas semelhanças entre as especificações técnicas de ambos os dispositivos. O Moto Maxx é embalado pelo processador Snapdragon 805, quad-core de 2,7 GHz, com 3 GB de memória RAM. A GPU do modelo é a Adreno 420, capaz de executar jogos mais recentes e outros já conhecidos. A performance do dispositivo é muito boa, livre de engasgos ou travamentos entre as animações dos sistema e contextos. O modelo é comercializado em uma única versão com 64 GB de armazenamento.

No Zenfone Max, a Asus resolveu utilizar um processador da Qualcomm ao invés do chipset da Intel utilizado em modelos anteriores, como o Zenfone 2 e o Zenfone 5. As especificações do dispositivo são as mesmas da variante mais parruda do Moto G 2015, com uma leve diferença no clock do processador. O Zenfone Max é embalado pelo Snapdragon 410 (64 bits), quad-core de 1,2 GHZ, com 2 GB de memória RAM. Atualmente, essas especificações são um padrão entre os modelos intermediários, portanto, o Zenfone Max não irá decepcionar os usuários menos exigentes. 

Zenfone Max vs. Moto Maxx: Especificações técnicas

  Asus Zenfone Max (Z5550KL) Motorola Moto Maxx (XT1225)
Tela 5,5 polegadas 5,2 polegadas
Proteção Gorila Glass 4 Gorila Glass 3
Resolução HD (1280 × 720 pixels) - 267 ppi QHD (2560 x 1440 pixels) - 565 ppi
Processador Snapdragon 410 Snapdragon 805
Núcleos 4 4
Velocidade 1,2GHz 2,7 GHz
RAM 2 GB 3 GB
GPU Adreno 306 Adreno 420
Câmera principal 13 MP - abertura f/2.0 21 MP - abertura f/ 2.0
Bateria 5000 mAh 3.900 mAh
Armazenamento 16GB - expansível via microSD 64 GB - não expansível
Sistema Android 5.0 Lollipop - Interface Zen UI 2.0 Android Lollipop 5.0.2
Conectividade  4G/3G com HSPA+, GPS e Bluetooth 4.0

HSPA, LTE, NFC, Bluetooth 4.1

Zenfone Max vs. Moto Maxx: Bateria

Aqui está o ponto mais comum entre esses dois modelos. A bateria do Zenfone Max é uma verdadeira evolução tecnológica, visto que as dimensões e a usabilidade do dispositivo não foram prejudicadas em prol desse componente. Ele possui uma bateria de 5000 mAh que, segundo a Asus, entrega uma autonomia superior a 48 horas em uso moderado. Como mencionei acima, o software do dispositivo possui alguns truques que podem contribuir com essa autonomia, além da tela apresentar uma baixa resolução e o conjunto de processamento ser intermediário.

O Moto Maxx é uma referência em capacidade de bateria entre os smartphones comercializados no Brasil. O dispositivo possui uma bateria de 3.900 mAh, com autonomia para até no máximo 48 horas de uso moderado. Os usuários podem contar com aplicações de terceiros para gerenciar o consumo de energia, visto que essa opção chegará de maneira nativa com o Lollipop 5.1. A tela com alta resolução e o conjunto de processamento mais avançado não contribuem muito para um gerenciamento econômico de energia. 

Zenfone Max vs. Moto Maxx: Conclusão

A Asus anunciou recentemente uma leva de dispositivos durante seu último evento realizado no Brasil, como o Zenfone Selfie e o Zenfone Laser. Portanto, não é certo que o Zenfone Max esteja disponível no mercado nacional neste primeiro momento. No mercado internacional o dispositivo estará disponível a partir de outubro, ainda sem preço definido pelo fabricante. Usando como base os preços praticados pela Asus no Brasil, nosso palpite é que o Zenfone Max custaria em torno de R$ 1.300, caso a empresa resolva comercializá-lo por aqui. Com esse valor médio, o dispositivo certamente seria uma ótima opção, acessível para os usuários que procuram por uma autonomia de bateria acima da média.

Atualmente, o Moto Maxx é o dispositivo mais caro comercializado pela Motorola. O modelo oferece uma experiência de uso mais abrangente, com especificações mais avançadas, além da bateria com boa autonomia. O Moto Maxx é indicado para os usuários mais exigentes, que desejam rodar jogos mais robustos e chegar ao final do dia com pouco de carga disponível.

E aí, será que podemos esperar pelo Zenfone Max no Brasil? Levando em consideração nosso palpite de preço, qual dispositivo seria a sua escolha?

256 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

  • Luiz Fernando 3/set/2015

    Eu já fiz minha escolha. Moto Maxx. Saí do iPhone 5S e descobri um mundo novo com o ambiente Android Lollypop. E o que é melhor. Depois de 7 anos só usando apple, descobri uma bateria que roda Android: o moto maxx.
    Ele tem um gerenciador primário de bateria sim, mas ele só é ativado, se você quiser, quando atinge 15% de bateria, aí ele liga o economizador. Mas realmente faltou o nativo.
    Mesmo assim, usando whats sem parar, vídeos e alguns jogos, consigo ficar até 24 horas sem carregar. Se não usar muito, passa de 36 horas.
    De noite desativo wifi e localização. De dia, tudo ligado, até bluetooth. E a durabilidade da bateria impressiona.
    Reconhecimento facial para desbloquear a tela, o google now dele é o mais completo dos motorola, você pede para te acordar às 06 da manhã, ela ativa o alarme neste horário e coloca o celular em modo 'dormindo', dirigindo ele reconhece e te avisa que chegou mensagem, e pergunta se quer escutar e ela fala a mensagem, e você ainda pode responder, sem nem encostar no celular. Siri? kkkkkkkkkkk. Piada. O assistente de voz da motorola aprende com seu uso no dia a dia e fica cada vez melhor. Ele é feio perto de vários concorrentes. Mas o custo benefício é fantástico. Recomendo.

  • Igor Cardoso 2/set/2015

    "Se não é um Moto Maxx, não é um Moto Maxx" haha

  • bryant36 2/set/2015

    é piada esse comparativo né ???

  •   15
    OneMoreTime 2/set/2015

    Zenfone Max ganha facilmente no quesito energético (bateria de alta capacidade [5000 mAh] + Soc de baixo desempenho).
    Em compensação, o Moto Maxx humilha em todos os outros quesitos.

49 Comentários

Escreva um comentário:
  • Poxa ainda não troquei de smart,esse Zenfone é ideal para mim.Não necessito de configuração top quero desempenho de bateria.Não se tem nem ideia se vai ser comercializado aqui no Brasi e quando chega?Palpitinho vai Android Pit rsrsrs.

  • Quando estava em busca de um aparelho top que fosse bom em bateria, estava entre o moto maxx e o xperia z3, optei pelo z3 depois de várias pesquisas e posso afirmar! Z3 é um super aparelho, não só em bateria mais em: câmera, designer, aprova dagua e poeira, possui um gerenciador de energia ⚡ impecável, sem contar que vem com sua smartband que faz muita diferença entre os demais.

  • Caramba; que comparação top hein;
    Show de bola, não desfazendo da matéria, mas, o unico quesito que agradou ali
    foi a bateria do zenfone, porque do resto não agradou nem um pouco;
    Creio que se foi feito uma comparação com o zenfone, ele deve estar no mesmo patamar do motomaxx;
    SQN kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Comparação esdrúxula, única semelhança é o Max que por sinal o aparelho da Asus sai perdendo para o da Motorola que apresenta o dobro de "x". Mas para quem não faz questão de resolução, desempenho, proteção, ... Vai na fé e compre o Zen Ching ling. O Zenphone 5 tem o meu respeito, já este daí tem o meu desprezo!!!

  • Eu já fiz minha escolha. Moto Maxx. Saí do iPhone 5S e descobri um mundo novo com o ambiente Android Lollypop. E o que é melhor. Depois de 7 anos só usando apple, descobri uma bateria que roda Android: o moto maxx.
    Ele tem um gerenciador primário de bateria sim, mas ele só é ativado, se você quiser, quando atinge 15% de bateria, aí ele liga o economizador. Mas realmente faltou o nativo.
    Mesmo assim, usando whats sem parar, vídeos e alguns jogos, consigo ficar até 24 horas sem carregar. Se não usar muito, passa de 36 horas.
    De noite desativo wifi e localização. De dia, tudo ligado, até bluetooth. E a durabilidade da bateria impressiona.
    Reconhecimento facial para desbloquear a tela, o google now dele é o mais completo dos motorola, você pede para te acordar às 06 da manhã, ela ativa o alarme neste horário e coloca o celular em modo 'dormindo', dirigindo ele reconhece e te avisa que chegou mensagem, e pergunta se quer escutar e ela fala a mensagem, e você ainda pode responder, sem nem encostar no celular. Siri? kkkkkkkkkkk. Piada. O assistente de voz da motorola aprende com seu uso no dia a dia e fica cada vez melhor. Ele é feio perto de vários concorrentes. Mas o custo benefício é fantástico. Recomendo.

    •   15

      .

      • Caro, esse site é livre. Inclusive para discutir pontos de vista. Perder tempo com o que você escreveu, é sim algo nada útil, que não agrega nada pra ninguém. Não é esse o propósito deste espaço. Beleza? Valeu!

      •   15

        .

      • Acho melhor você procurar o caminhão de onde você caiu, meu caro anônimo. Quem se identifica com um ícone desses, não tem moral, argumentos, conhecimentos, ou se quer coragem de colocar a foto e se identificar como qualquer pessoa decente faz aqui. Isso só prova a sua pobreza de raciocínio, atitude e falta de respeito com as pessoas.
        Como disse anteriormente, relatei uma experiência de usuário, destacando pontos fortes de um smartphone, que uso profissionalmente e para lazer. Mas você, com esse ícone e esse 'nome', claro, não vai entender. Em outra oportunidade eu desenho pra você, ok? Só não vale chorar. Valeu!

      •   15

        .

      • Quem se esconde por trás de um apelido e um ícone, não importa o motivo, não tem bagagem nenhuma para discutir nada, especialmente se usa deste artifício para tentar em vão, denegrir a imagem das pessoas e descer o nível das conversas. Dá pena, pois homenagens bonitas não são feitas dessa forma, mas de maneira aberta, para que todos saibam e compartilhem. Neste caso, essa atitude de se esconder, não passa de algo infantil, pobre, covarde, sem qualquer contribuição para este site, ou para as pessoas. Vá se tratar, cara. Vai ser bom pra você. E obrigado por ver todas as minhas opiniões, analisá-las e discutir as mesmas. É esse o propósito. Ah, e sem usar disfarces. Beleza?

      •   15

        .

      • Cara, na boa. Aqui não é o melhor lugar para você resolver seus problemas de auto-afirmação, beleza?

      •   15

        Quer saber, ambos no final ficaram errados na historia.
        EU não devia ter feito um comentário grosseiro, era mas fácil eu ter ignorado, desculpe-me pelo incomodo causado.
        Por isso retiro tudo que eu disse, estou retirando meus comentários de baixo teor.
        (Não sei se você fará o mesmo, estou fazendo isso em respeito a sua familia - tenho muito respeito por quem é um bom pai)

    • Realmente o Moto maxx é muito Bom, mais eu não consigo passar o dia todo com a bateria kkkk Chega na metade do dia já estou com 40% gostaria de saber se tem algum app bom para a Bateria ?

      • Andrei, eu recomendo o Clean Master, um canivete suiço que ajuda a melhorar muito a Ram. Quando você vai jogar, por exemplo, ele libera memória RAM, suficiente para aquele jogo. Ele hiberna apps em 2º plano para liberar mais 20, 30, 40min de bateria, dependendo da quantidade de apps abertos. Fora a excelente limpeza de ram, lixo e cache que ele faz, liberando espaço precioso para quem adora guardar vídeos e músicas, além dos joguinhos.
        Eu usava antes dele o battery doctor. Excelente. Mas depois que aprendi a economizar, nem usei mais e fiquei só com o Clean Master.
        Dicas para economizar. Brilho nunca deixo no máximo. Bluetooth só ligo para conectar caixa de som ou outro dispositivo. Na hora de dormir, desabilito wifi e localização. Falo pra assistente me acordar em tal horário e ela liga o alarme, diz boa noite e aciona o moto assist no modo dormir. Aí fica aquela 'lua' no canto superior esquerdo que silencia todas as notificações e ligações, mantendo só as prioritárias. Isso ajuda a economizar também. Desabilitei do modo tela, notificações de face e whats, pois a cada 5 min eu recebia 1 notificação de cada serviço, fazendo o moto tela piscar toda hora avisando de novas mensagens e isso mina a bateria também.
        Fiz esses ajustes e a bateria passou a render muito mais.
        É isso. Qualquer dúvida, posta aí! Abs.

    • Tenho que concordar contigo. O iPhone é bom sim, mas um Moto Maxx desse bate nele tranquilo e por um preço melhor.

  • Fraco! 1.300 só pela bateria 🔋 não vale

  • 1.300,00? Caro demais por um hardware muito fraco o preço deveria ser no máximo umas 900 Dilmas

  •   28

    Só comparando os dois aparelhos por causa de bateria? Dos aparelhos totalmente diferentes, em categoria. Parei de ler quando vi Snapdragon 405 versus 805, e tela HD contra 2K

Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi